18 de julho de 2024
Compartilhe:

Um homem que presta serviço ao Ceará como segurança registrou um boletim de ocorrência acusando o atacante Thiago Galhardo, do Fortaleza, de agressão. Ele afirmou ter levado um chute durante a briga generalizada entre atletas dos dois clubes após a final do Campeonato Cearense, no último sábado (6).

O segurança, que não teve o nome revelado, também fez exame de corpo de delito. Imagens divulgadas nas redes sociais mostram uma ferida grande na região das costelas. O Ceará informou que presta assistência médica e jurídica ao colaborador. O Fortaleza e Galhardo não se pronunciaram.

O Ceará venceu o Fortaleza por 3 a 2 na disputa por pênaltis, após 1 a 1 no tempo normal, no jogo de volta da final do Campeonato Cearense, e ficou com a taça. Logo depois da partida, uma briga generalizada começou no gramado, com vários jogadores se agredindo e funcionários dos clubes tentando apartar a confusão.

Em vídeo que aparece nas redes sociais, o segurança do Ceará tenta segurar os atletas do clube, quando Galhardo dá um chute em suas costas.

O árbitro Anderson Daronco expulsou três jogadores por causa da briga: o goleiro Bruno Ferreira e o atacante Aylon, do Ceará, e o zagueiro Brítez, do Fortaleza.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Fonte: https://www.cnnbrasil.com.br/esportes/futebol/campeonato-cearense/funcionario-do-ceara-faz-bo-e-acusa-atacante-do-fortaleza-de-agressao/