17 de julho de 2024
Compartilhe:




Fotografia de Fausto


PUB


Samuel Martins Coelho apresenta-se em nome próprio com o disco “I Error”: um conjunto de rascunhos colecionados ao longo do tempo, que refletem diferentes interesses estilísticos de um violinista que se aventura no mundo electrónico. 

O compositor e multi-instrumentista tem feito um percurso de descoberta e constante reinvenção da sua linguagem musical. Com raízes na música clássica, tem vindo a desenvolver uma linguagem muito própria, utilizando diversas fontes sonoras. O seu trabalho atravessa vários géneros e universos musicais, desde a música clássica à música conceptual, experimental e à improvisação. A sua actividade artística desenvolve-se em vários projetos, tais como: Tosco, Peixe Míope, Estranhofone, Space Ensemble, Escola do Rock, Colectivo Espaço Invisível, Ondamarela, JP Coimbra, até ao mais recente I ERROR.  

Com o novo disco, o músico explica que “Imagino-me imerso num espaço onde o passado e o presente se entrelaçam, refletindo as minhas diferentes fases como músico. Cada música representa diferentes momentos desse período cronológico, onde diferentes estilos e influências musicais se manifestam. em ‘I ERROR’ é um local onde tiro a rede.”  

De destacar no seu percurso artístico as várias composições de bandas sonoras e a nomeação para os Óscares: em 2018 compôs uma nova banda sonora para o filme Giuseppi do realizador maltês Cecil Santariano, a qual foi apresentado ao vivo na Capital Europeia da Cultura em Malta. Colaborou na banda sonora da curta-metragem de Regina Pessoa “Tio Tomás – A Contabilidade dos Dias”. Desde a estreia internacional, em Junho de 2019, na Croácia, o filme foi já distinguido no Festival de Cinema de Annecy, em França, com o prémio especial do júri, no Festival Animamundi, no Brasil, ou nos Caminhos do Cinema Português, em Coimbra. Foi tambémcandidato às nomeações para os Óscares e venceu a corrida para o galardão de melhor curta-metragem nos Prémios Annie Awards. Em 2024 compôs a banda sonora do filme “O Pior Homem de Londres”, realizado por Rodrigo Areias, produzido por Paulo Branco-Leopardo Filmes, com argumento de Eduardo Brito, e um elenco onde pontuam Albano Jerónimo, Edward Ashley, Victoria Guerra, Scott Coffey, Christian Vadim, Carmen Chaplin, Simon Paisley Day, e Jean-François Balmer.

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.

Fonte: https://comunidadeculturaearte.com/compositor-e-multi-instrumentista-samuel-martins-coelho-da-a-conhecer-o-disco-i-error-um-local-onde-o-artista-tira-a-rede/