17 de julho de 2024
Compartilhe:

Foto: Divulgação

A manifestação deixou a população sem ambulâncias das 7h às 9h

Reivindicando melhorias nas condições de trabalho e melhores salários, servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) fizeram uma paralisação de advertência nesta quinta-feira (28), em São Luís.

A manifestação deixou a população sem ambulâncias das 7h às 9h. Segundo o presidente da Associação dos Servidores Municipais do Samu, Torquato Martins, a manifestação ocorre porque a categoria não tem reposição salarial desde 2016.

Os funcionários também reinvindicam aumento de 30% na gratificação de motorista, mudança da nomenclatura dos condutores e a implementação de uma nova frota de ambulâncias, pois dás 13 ambulâncias que atendem a população, quatro estão quebradas.