14 de julho de 2024
Compartilhe:

Sem citar o bilionário Elon Musk, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira que tem “bilionário fazendo foguete” para buscar locais habitáveis fora do planeta Terra, mas que ele vai ter “aprender a viver aqui” e “usar muito do dinheiro dele para ajudar a preservar (o meio ambiente) e melhorar a vida das pessoas”.

— Tem até bilionário tentando fazer foguete, tentando fazer viagem para ver se encontra espaço lá fora, não tem. Ele vai ter que aprender a viver aqui, ele vai ter que usar muito do dinheiro que ele tem para ajudar a preservar isso aqui.

Antes, Lula citou o caso de um “companheiro” que não acreditava que o homem foi à Lua e relacionou com pessoas que até hoje não acreditam que o desmatamento prejudica o planeta Terra.

— Hoje nós temos gente que não acredita que o desmatamento e as queimadas prejudicam o planeta Terra — afirmou Lula.

O presidente deu as declarações durante o lançamento de um programa para destinar R$ 730 milhões para o desenvolvimento sustentável da Amazônia e o combate ao desmatamento e incêndios florestais. O governo vai destinar ainda R$ 600 milhões do Fundo Amazônia e R$ 130 milhões do Floresta+.

O programa é uma parceria com os estados, responsáveis, segundo o governo, por 78% do desmatamento em 2022. Até o momento, 53 das 70 cidades já aderiram ao programa.

De acordo com o Palácio do Planalto, quando maior a redução anual do desmatamento e da degradação, maior será o valor investido. O governo vai monitorar os índices através do Prodes, do Inpe, que calcula a taxa anual de desmatamento de agosto a julho do ano seguinte.

As cidades que aderirem ao programa serão priorizadas em ações de apoio à regularização ambiental e fundiária, recuperação da vegetação nativo, além de outros pontos de atuação. Ao assinarem o termo de compromisso, elas receberão R$ 500 mil.

Com informações do GLOBO.

Fonte: https://agendadopoder.com.br/lula-diz-sem-citar-musk-que-tem-bilionario-fazendo-foguete-que-vai-ter-que-aprender-a-viver-aqui/